Tudo Information

Luca Moreira e Jean Paulo Campos relembram época de “Carrossel”

Sucesso instantâneo depois de seu principal trabalho na televisão brasileira, interpretando o personagem Cirilo Riviera no sucesso infantil “Carrossel” do SBT, o ator Jean Paulo Campos retornou para as telinhas como Zeca em “Carinha de Anjo”. Novela em que voltou a contracenar com sua colega de cena e amiga Maísa Silva.

Em meio a tantos projetos, o ator contou um pouco mais para a gente sobre como vem andado sua carreira até hoje.

A novela “Carrossel” do SBT em 2012, foi seu primeiro trabalho como protagonista. Como foi ter recebido o papel do Cirilo? Foi um presente na minha vida ser o Cirilo. Nervosismo deu sim, pois foi meu primeiro grande papel, mas graças a Deus acho que consegui realizar com sucesso e ter o reconhecimento do público.

Também na novela, o personagem tinha cenas muito fortes e emocionantes com a Maria Joaquina (Larissa Manoela). Já houve vezes em que algumas dessas cenas foram mais complicadas? Algumas foram mais difíceis, mas a equipe toda da novela ajudou bastante.

Quando o último filme, “Carrossel 2: O Sumiço de Maria Joaquina” foi lançado ano passado, você esperava no começo que a franquia fosse fazer tanto sucesso assim? Acho que o sucesso de Carrossel, novela e filmes, foi surpreendente para todos nós. Um grande presente mesmo.

Na nova novela “Carinha de Anjo”, você voltou a contracenar com a Maísa Silva. Como é poder voltar a ter ela como colega de cena novamente? A Maísa é minha grande amiga, então é um grande prazer trabalhar com ela de novo. Fora de cena também é muito legal, brincamos muito, damos risada, etc.

O Cirilo com certeza mora dentro do meu coração, foi um personagem muito importante em minha carreira.

Para você, qual foi a principal diferença entre fazer o Cirilo na televisão e no cinema? Você sentiu que mudou alguma coisa no personagem? Acho que no cinema, como já estávamos na fase pré-adolescente, mudou um pouco. Mas o garoto bondoso e amigo de todos sempre continuou.

O que mais motivou você quando decidiu que queria seguir carreira como ator? O que mais me motiva todos os dias é melhorar como pessoa e profissional.

Já teve alguma cena em que você sentiu que você acabou sendo você mesmo e não o personagem? Acho que não.

Como é conciliar a vida escolar com o trabalho de ator? Tranquilo, pois estudo de manhã e gravo de tarde. Da para conciliar e fazer tudo certinho.

Se você pudesse mandar uma mensagem para todos os seus fãs agora, o que você falaria para eles? Só agradecer por tudo que vocês me proporcionam e dizer que sempre vou dar o meu melhor. Grande abraço!

Pedro Maia

Pedro Maia é estudante de jornalismo e é editor do site Tudo Information.